26 de jul de 2010

Voltando ao Tricô!

Hoje comecei a terminar os tricotados do “ainda nas agulhas” ao lado!

O tricô me faz relaxar e espero que ajude, à noite, a superar a perda do meu pai!

Eu morava com ele. Somente nesta semana comecei a ler novamente o jornal. Sempre que acabava de ler contava para ele as notícias sobre política e mundo! Às vezes discutíamos bastante! Quem conheceu meu pai sabe que ele era um livro de historia humano! Geopolítica e história era com ele: conflitos, guerras, revoluções, economia, sociedade, o mundo antigo e atual. Ele ficava horas explicando sobre um assunto perguntado.

Meu pai era advogado e deu aulas de historia na década de 70. Dedicou-se por quase 40 anos as leis, ao júri e as questões políticas!

Meninas! Muito, muito obrigada! Foi muito bom ler os comentários de vocês na postagem abaixo! Valeu mesmo! Beijos e um abraço apertado em todas!

Voltando ao tricô!

Vou mostrar as lembrancinhas que fiz por conta do nascimento do Gabriel:

Foram todos tricotados por mim! Depois de acabados não podia mais ouvir falar em sapatinhos!

Como ele nasceu na semana da Páscoa, minha cunhada optou por bombom ao invés das balas de amêndoas. Em cada caixinha foi colocado um bombom Ferrero.

Vocês não imaginam a dificuldade em encontrar os mini botões! Os achei numa rua nos arredores da 25 de Março. Paguei uma fortuna, trinta centavos cada um, pois não fazia sentido comprar 400 botões da mesma cor por atacado. Paguei o valor do varejo!

Os bombons couberam direitinho nas caixinhas. Elas também foram uma coisa para achar. Uma comerciante da rua cav. Basílio Jafet, ao ver os sapatinhos, encomendou junto ao seu fornecedor 40 caixinhas para eu buscar no mesmo dia, ás cinco horas da tarde. Ela foi super atenciosa, enquanto as demais apenas diziam que as caixinhas acabaram e não tinham previsão de chegada. Imaginem a minha agonia: os sapatinhos prontos, o Gabriel pra nascer, bombons comprados e nada das caixinhas! Enquanto esperava as horas, fui atrás das fitas para fazer os lacinhos. Para quem quiser aqui esta o site da loja: Abelle

Um pouquinho do Gabriel pra vocês:



9 de jul de 2010

Tristeza...


Vou ficar mais um tempo afastada do blog!

Perdi meu pai na última quarta-feira. Estou sem ânimo para tricotar. Estou muito triste com a falta dele. Sei que vou superar com o tempo, mas por enquanto, cada canto da minha casa tem uma lembrança dele!

Minha mãe se foi há sete anos com apenas 56 anos de idade. Meu pai tinha 70 anos. Sei que a vida não é eterna, mas os dois me foram tirados muito cedo.

Tenho o meu irmão, minhas tias e meu sobrinho que me confortam, mas a falta dos meus pais é muito grande!

Ele não sofreu, desmaiou e não acordou mais. Foi um infarto fulminante!

Ele foi ao banco, cumprimentou o segurança e desmaiou antes de chegar ao caixa. Uma biomédica que estava na agência o socorreu até a chegada do Samu. Quando cheguei ao banco, chamada pelo gerente, eu vi meu pai no chão com uma médica tentando ressuscitá-lo. Parecia que ele estava dormindo, não tinha expressão de dor no rosto dele! Por isso, acredito que ele não sofreu. Morreu igualzinho meu avô, pai dele.

Tudo isso, nos foi contado pelo gerente, pois a cena acima foi gravada pelas câmeras de segurança. Eu e meu irmão não tivemos a coragem de vê-las.

Hoje, o que tenho dos meus pais são lembranças de momentos alegres e tristes. Ensinamentos que jamais vou esquecer!

6 de jun de 2010

Baby Surprise Jacket (EZ)

Ai está ele!

Esqueci de publicar!

Quando você consegue entender o que EZ quer, se torna muito fácil tricotar esse casaco!

Só não gostei da costura da manga! Costurei com uma agulha de crochê!

O próximo vou tentar fazer sem costura! Achei uma tricoteira no Ravelry que ensina a fazer o BSJ sem costura. Para quem tiver interesse, a receita está aqui!

Acho que nem precisava dizer que esse também é para o Gabriel!

Usei fio Desejo cores 849, 1815 e 567. Agulha circular 4,5mm de 40cm. Pode ser feito com agulhas retas.

Receita aqui, aqui e aqui!